29 de nov de 2009

Os perfilados

A próxima edição do Enfoque será um especial só com perfis, falando do ano que está acabando. Abaixo, uma prévia fotográfica de dois deles, feitos em parceria com a colega Carine Wallauer:

Gabrielly - Uma menina que em 2009 descobriu na dança o sonho da futura profissão.

Carla - 2009 marcou a chegada do terceiro filho.

E mais uma fotinho de bastidores (Carine entrevistando Carla e os filhos):

27 de nov de 2009

Carlos e Andréia: um casal diferente

Na última visita à Vila Brás eu e o Pedro encontramos um casal na Praça da Vila Brás, Andréia e Carlos. Mas tem um pequeno detalhe: eles tem 19 anos de diferença. Ela tem 36, ele 17. Na próxima edição vocês vão conferir o perfil do casal, mas enquanto isso, alguns pequenos áudios:

"Como foi o ano de 2009 pra vocês?"

Andréia:



Carlos:



"O que você espera pra 2010?"

Andréia:



Enquanto isso, estamos iniciando as edições dos perfis da 3ª edição do Enfoque Vila Brás!

Novas visões da Brás

Chegando ao final do semestre e ainda quebrando preconceitos. A visão que se tem da Brás ainda é de um local totalmente marginalizado. Eu mesmo só mudei esta maneira de ver após a primeira visita para realização do Enfoque.


Durante a saída de campo inicial fomos para parte menos favorecida da Brás, já durante a segunda saída pude ver belas residências e construções que ajudam a terminar com a imagem de um lugar de pura pobreza.





As moradias não eram mansões, nem construções com “trezentos” quartos ou coisa do tipo, mas casas bem cuidadas, com capricho dos moradores.

Infelizmente é só falar para alguém que você vai para a Brás que na hora percebe-se como ainda mantém-se a ideia de um lugar perigoso. Este é um rótulo que com certeza não combina mais com a vila.

26 de nov de 2009

Casas são invadidas pela água na Vila Brás

O morador da rua 13, Armando Policena, 73 anos, passou por momentos de pânico no temporal do dia 19 de novembro. Com as fortes chuvas do mês a sua casa, e a de diversos moradores da Vila Brás, foram alagadas. O motivo é sempre o mesmo, a Casa de Bombas continua estragada, o que impede o escoamento da água.

Policena tentou salvar os móveis que conseguiu e foi se abrigar na casa de parentes. Mesmo assim, acabou perdendo dois sofás e o assoalho da sua casa ficou completamente danificado. O morador critica a falta de providências por parte da prefeitura “Os políticos só sabem vir aqui na Vila pedir votos na época das eleições. Estamos cansados de escutar promessas e nada ser resolvido”, diz.



Assim como ele, outros moradores procuraram os repórteres do Enfoque para falar sobre a enchente.

Segundo notícias já publicadas em outros posts, a prefeitura esteve limpando o local e vai consertar as bombas estragadas. É o que todos nós esperamos.

25 de nov de 2009

Enfoque da Esperança



No sábado, dia 21 de novembro, estivemos novamente na Brás. Além de entregarmos a nova edição, que contava com uma novidade, que era o caderno Juventude em Foco, tínhamos que buscar novas matérias para a última edição de 2009.


Como o sentimentos afloram ainda mais quando o mês de dezembro se aproxima, a ideia de fazer um jornal perfil foi muito boa. A procura por histórias que ocorreram durante este ano e as expectativas para o ano de 2010 irão compor uma edição com espírito de inovação e esperança.



Talvez seja essa a busca da maioria dos moradores da Brás, dias melhores. Todos que amam viver na Brás sabem dos problemas que enfrentam, como as chuvas que não cessam e alagam as casas. Mas eles acreditam que tudo irá melhorar!


O Enfoque é esperado com ansiedade por todos na Vila. E acredito que este último jornal será recebido com sorrisos!

Enfoque está disponível em PDF

Moçada, o Enfoque - corpo do jornal e caderno - já está disponível em PDF no Portal 3.

Na coluna à direita do blog também.

Abraço a todos e bom trabalho.


23 de nov de 2009

E o problema continua

No último sábado, a maioria dos moradores da Vila Brás comentaram sobre o problema da Casa de Bombas. Sabemos que a Vila já passou por bastante dificuldade com as últimas chuvas que causaram alagamentos, como mencionado na última edição do Enfoque.

Com o grande volume de chuvas que tivemos no último final de semana, os moradores estão enfrentando o mesmo problema e estão em busca de soluções. Hoje li uma notícia no Diário de Canoas: Moradores da Vila Brás cobram providências na Casa de Bombas.

Confira a matéria na íntegra no link abaixo:

http://www.diariodecanoas.com.br/site/noticias/geral,canal-8,ed-60,ct-1053,cd-229680.htm

Jovem

O caderno "Juventude em foco" virou notícia no Portal3, na última semana. Confira aqui.

simpática pra cachorro

Umas das coisas que mais pudemos observar na Brás é a quantidade de cachorros pela rua. O que é novidade é a presença da Natacha para alegrar a vida deles.
A nossa colega colecionou amigos caninos na última visita. Segue algumas imagens dessa interação.
Confere também os vídeos:



Enfoque de final de ano

A terceira edição do Enfoque Vila Brás deste semestre contará histórias de 2009.
Como foi esse ano para quem mora na Vila? O que as pessoas pensam de 2010?
No último sábado saímos à procura de personagens. O sol, mesmo tímido, nos ajudou na caminhada. O resultado já começa a ganhar forma. É só aguardar...

22 de nov de 2009

Editora de vídeo e multimídia

Olá queridos colegas:

Na última aula definimos os alunos que exerceriam determinadas funções para a execução do Jornal Enfoque Vila Brás. Da turma da Thaís, ficou combinado que eu seria a editora de vídeo e a editora multimídia, que, de certa forma, dá um suporte aqui no blog.

Portanto, acho importante retomar um post anterior da Cler, onde ela explica como devemos organizar os textos, fotos, vídeos e áudios, de forma que o blog fique uniforme e coeso. Afinal, como o professor Demétrio gosta de ressaltar, este é um blog premiado, e devemos mantê-lo organizado da melhor forma possível.

Assim, relembro algumas das dicas dadas pela Cler: todo e qualquer vídeo que seja postado, deve ser via youtube. Já arrumei os posts da Elisandra e da Roberta e já troquei, botei do youtube. Os áudios, devem ser por meio do goear. E, o principal, todo e qualquer texto que for escrito no word, para ir para o blog, deve ser copiado antes no bloco de notas e só depois ir pro corpo do post. Caso contrário, os posts ficam com fontes diferentes, o que, visualmente, não fica bonito.

Notei esse problema em alguns posts, e já arrumei o do Alessandro, sobre o vandalismo, da ótima notícia, do Paulo Henrique e das olimpíadas, do Silva Júnior. Falta arrumar ainda o "O cara da farmácia", da Micheli e "A difícil luta contra as chuvas", do Paulo Henrique. Paulo e Micheli, se vocês puderem arrumar, agradeço!

Relembro também que qualquer pessoa que tenha feito algum vídeo bacana na Brás, seja uma entrevista, ou uma edição de imagens bacanas, pode me passar que eu posto na TV Enfoque! Se o vídeo já estiver postado no youtube, só me enviar o link por e-mail (keller.barbara@gmail.com) ou então, levá-lo na aula e me passar para que eu poste no youtube.

Por enquanto era isso galera! Qualquer dúvida, só gritar! E vamos fechar esse semestre com um jornal super bacana e um blog bem organizado.

20 de nov de 2009

Equipe de Edição do Bonde do Demétrio

Para todos aqueles que tiveram que encarnar o espírito Kzuka na última edição, segue a lista de nomes que integra a edição da turma do Demétrio:

Editor: Mateus Ferraz (mateus.jornal@gmail.com - 8477.6036)

Subeditoras: Camila Vargas e Daniela Machado

Produção: Giovani Neves

Editor de foto: Eduardo Nozzari

Editor de vídeo: Pedro Foss

Editora de áudio: Aline Bof

Editoras do Enfoquinho: Fahra Wittee e Bruna Quadros

Editor de multimídia: Pedro Foss

Para quem precisar de alguma força, ajuda, conselho e etc., podem ligar ou mandar e-mail.

Até a Brás!

Vandalismo prejudica lazer dos jovens

A Praça da Paz é o lugar onde boa parte dos adolescentes da Vila Brás passa o tempo livre. Seja para jogar futebol, andar de bicicleta ou simplesmente ficar por lá com os amigos, o local é o principal atrativo e ponto de encontro dos jovens. É lá que sempre se acha alguém para bater um papo e passar o tempo. Só falta cuidar melhor do lugar que é de todos, inclusive de quem o depreda.

O Enfoque fez perguntou a dez jovens sobre as opções de lazer na Vila Brás e o resultado foi surpreendente. Todos disseram que o grande problema é o vandalismo, que prejudica o uso dos locais públicos de esporte e lazer.

É o caso de Amanda Bella, 17: “Não tem quase nada pra fazer. E os poucos lugares que são para esporte e lazer são destruídos. Jogamos vôlei na praça, tínhamos até comprado uma rede nova, mas os ferros foram estragados. Agora temos que improvisar”. Ela diz ainda que até a prefeitura poderia arrumar, mas não o fazem porque com certeza seria depredado outra vez.

Última reunião de pauta do semestre

Gente, para logo mais à noite realizaremos nossa derradeira reunião de pauta. Amanhã, sábado, logo cedo, estaremos na Brás em busca de subsídios para mais uma edição do Enfoque - a terceira e última deste semestre.

18 de nov de 2009

Curiosidades da Brás

Foto: Paulo Henrique Machado
Por muitas vezes não tendo uma condição financeira razoável, alguns moradores acabam por improvisar naquilo que é necessidade.

Durante nossa última visita para a construção das matérias para o Enfoque, presenciamos, eu e o Paulo Henrique, uma “mudança” um tanto arriscada.

Chamamos a atenção para tal situação tomando como exemplo nossa matéria da primeira edição do Enfoque neste semestre - na primeira visita, uma grande parte dos moradores que entrevistamos relataram uma presença constante de parte da Brigada Militar no policiamento da Brás.

Fica aqui a pergunta: aquela fiscalização de trânsito tão atuante na área central de São Leopoldo, ela existe na Brás? Aparentemente, não...

17 de nov de 2009

Vivendo e aprendendo

Em uma das visitas na Vila Brás aprendi que nem tudo que parece é lixo. Com técnicas aparentemente simples é possível produzir belos e úteis itens.



O resultado desse aprendizado você pode conferir aqui.

13 de nov de 2009

Bis

É gratificante ver mais uma edição do Enfoque tomando forma. Mais algumas páginas que contam a vida de quem faz a Brás vão formando o jornal, tão bem recebido pela comunidade em nossas visitas. A propósito, a segunda ida à Vila, pelo menos pra mim, foi muito mais entusiasmante, muito mais proveitosa. Começando pela distribuição dos jornais e pela busca de fontes para as pautas estabelecidas. Tudo fluiu melhor. Mesmo com o flagrante de furto (melhor não comentar, afinal, assino esse post e tenho amor à vida), mesmo com o calor não esperado e, por isso, roupas inadequadas, foi muito melhor. Espero que o resultado, que pode ser conferido na próxima edição (que dessa vez conta com um caderno jovem), também seja satisfatório. E que venha a próxima visita e o próximo Enfoque Vila Brás.

Perfil de Eliane Brum

Não é por acaso que seus livros integram nossa lista de leitura para a disciplina. Eliane Brum, a premiada jornalista gaúcha, fala um pouco de sua carreira e do amor pelo "homem comum" . O perfil foi exibido na TV Gazeta, em julho.

"O homem comum é a matéria da literatura, mas estranhamente não é a matéria do jornalismo. Sempre achei isso curioso e triste."
" É o jeito que a gente olha para as histórias que fazem elas diferentes."


Peça fiado e ganhe um não grátis

Na edição anterior, escrevi sobre promoção curiosa na crônica "Vamos cortar esse cabelão?". Perdida no celular, encontrei foto que ilustra bem a história: Válter cumprimentando o cabeleireiro Valdecir, que não quis aparecer.


"A filosofia da casa se encontra em plaquinha na frente do espelho: 'Peça fiado e ganhe um ‘não’ grátis'. Válter louva o talento do amigo. Até se consultar com Valdecir, 'todo mundo cortava errado'. Há quatro anos, ele encontrou a luz."

Para logo mais à noite

Como todos sabem, nossa saída foi adiada para o dia 21, sábado. A reunião de pauta e análise desta edição ficam, portando, para o dia 19, próxima sexta.

Ao pessoal do caderno: para logo mais à noite nossa tarefa será revisar e realizar os últimos ajustes.

Abraço a todos.

10 de nov de 2009

Um olhar meigo


Em minha segunda visita a Vila Brás, conversei com as pessoas que foram atingidas com a última enchente.
É muito triste ver que muitas delas perderam o pouco que tinham. Mas a cena que ficou marcada na minha memória foi da menininha abaixo. A imagem foi registrada pela colega Daniela Lopes.



Stefani Maqueli Ferreira, 3 anos é fillha de uma das famílias que conheci. A imagem mostra o estrago que a enchente fez com o sofá da família.

A guriazinha fez de tudo para chamar nossa atenção, pelo jeito ela gosta de tirar fotos. Enquanto eu pegava as informações com os pais dela, os moradores Marco Aurélio e Vanderléia Ferreira, ela olhava fixamente para a lente da câmera.


9 de nov de 2009

Caderno Jovem

As páginas aos poucos vão surgindo... São várias etapas até que o Caderno Jovem esteja na gráfica, e pronto para a distribuição na Vila Brás.
Matérias de todos os tipos apareceram.. são jovens empreendedores, as gírias da galera, os namoros, questões sobre sexualidade, drogas, e como se divertem. O jovem da Brás irá se identificar com o caderno.
Terá também a enquete que revela como é ser jovem na Brás...
A possibilidade de estar ali, nas páginas de um jornal, de ser protagonista, é a essência de um jornal para a comunidade.

6 de nov de 2009

Quando a outra pauta é mais pauta

Fui para a Vila Brás com o intuito de encontrar uma garota que tivesse o sonho de virar modelo. Na escola, conversei com a diretora e expus a intenção da pauta. Reticente, ela me indicou Fabíola, de 13 anos, menina bonita mas pouquíssimo afeita a entrevistas. Conversei, tirei fotos e, no último minuto de diálogo, obtive aquela fagulha que aguça a criatividade e indica um rumo inesperado para o acontecimento.

A fagulha era um pastor que realizava empreendimentos milagrosos na praça. Logo, mobilizei todo mundo que encontrei pelo caminho - duas faxineiras, uma secretária e o segurança. Todos conheciam o pastor. Segundo o que me contaram, o homem realizava curas até pelo telefone, quando estava ocupado demais para chegar até o local onde o enfermo repousava.

Em 15 minutos - palmas para os funcionários da escola -, eu tinha um número de telefone. Liguei e marquei de encontrá-lo em frente ao João Goulart. Assim que desliguei o celular, recebi ligação da minha chefe: "Gustavo, pode vir pra cá? Tá uma loucura aqui na redação". Combinei de ir em meia hora.

O pastou não apareceu. Nem em dez minutos, nem em 20. Estava dirigindo até quando teve de curar alguém pelo caminho. No fim, tive de sair correndo. Para garantir que o contato não fosse perdido, dei o número do pastor para a Cler, cuja pauta inicial havia ruído em algum momento.

Ótima notícia para a Brás

As obras para a manutenção dos diques em São Leopoldo já podem ter início imediato. O Ministério da Integração Nacional já autorizou a primeira parcela, no valor de R$ 12,5 milhões para as obras. O prefeito Ary Vanazzi, no entanto, pretende organizar uma cerimônia para a assinatura da ordem de serviço juntamente com a ministra Dilma Rousseff, que deverá acontecer no dia 21 de novembro, quando a ministra vem ao Estado.

O PAC Dragagem Urbana disponibilizará uma verba total de R$ 55 milhões para o projeto de manutenção do sistema contra as cheias do Rio dos Sinos. Desta quantia, os primeiros R$ 24 milhões já foram liberados, mas somente a metade vai poder ser utilizada ainda este ano.
A Brás será o destino da primeira parcela do dinheiro, que será aplicado na abertura de uma Avenida na vila (que contará com uma extensão de dois quilômetros, iniciando próximo à Ponte Henrique Roessler, bairro Rio dos Sinos, ligando a Doutor Hillebrand com a Leopoldo Wasum que costeará o dique).

As cinco casas de bomba também receberão reformas, iniciando as manutenções pela existente no bairro Santo Afonso, em Novo Hamburgo. Lembrando que esta é a casa que causou alagamentos na Brás nesta última enchente.Agora, e como sempre, é só esperar toda esta politicagem para o início das obras, que com certeza merece nossa atenção para a próxima visita.

Com informações do Jornal NH

O estúdio que ainda não tem uma moça...



Doralício Maciel é dono do único estúdio fotográfico da Vila Braz. Empreendedor, possui, em sua pequena sala na principal avenida do bairro, cenários, luzes, filmes, máquinas e até impressora digital. Está há mais de 20 anos na profissão. Porém, falta-lhe algo: uma moça. Além disso, ela tem que entender de fotos.

“Os homens são muito descuidados. Eu quero uma moça pra me ajudar com a organização do estúdio e que saiba trabalhar com fotografia”, conta Doralício, 55 anos, enquanto atende mais uma pessoa em busca de uma 3X4 para o novo emprego.


Chegando à porta do estabelecimento, a primeira coisa que chama a atenção dos potenciais clientes é uma grande placa com a oferta de emprego. Indo até o balcão, não percebe-se nenhuma desorganização aparente. O problema fica evidente quando o fotógrafo precisa se refugiar nos fundos da loja, onde fica o estúdio. Zeloso, some e só reaparece quando acha que concluiu de maneira satisfatória o registro de mais um sorriso. Enquanto isso, novos modelos se acumulam na recepção vazia.

Enquanto não consegue sua moça, Doralício segue se desdobrando para dar conta de tudo. Quanto a isso, a tecnologia está ao lado de nosso empresário. Muitas pessoas que estavam acostumadas a esperar horas, e até mesmo dias, se surpreendem ao sair do local já com seus registros em mãos. Isso é possível devido a um grande investimento feito pelo empresário. Uma impressora colorida que passa para o papel fotográfico a imagem capturada pela câmera instantaneamente. “Trabalhei muitos anos com filme, mas os tempos são outros”, revela instantaneamente o fotógrafo.


Assim, o senhor das fotos segue com seu trabalho tendo muitas histórias para contar. Às vezes, entre um conto e outro, tem que parar para atender um cliente pois, enquanto não contratar a sua moça, sua atenção permanecerá dividida entre o agradável diálogo com os passantes e seu ofício, que não pode esperar.

Fotos de Katterina Zandonai

TV Enfoque de cara nova!

E aí povo!

Já que fiquei responsável pela TV Enfoque, resolvi dar uma mudada no visual do post "telewebjornais". Primeiro mudei a ordem dos vídeos de modo que se vocês acessarem a TV Enfoque agora, verão os vídeos mais recentes primeiro e os mais antigos, dos semestres anteriores, para o final.

Além disso, organizei o que estava escrito acima e abaixo dos vídeos, deixando sempre o "produzidor por:" abaixo. Aliás, se o professor ou alguém souber quem produziu o vídeo "Programa 5" e "Programa 4" me avisa que eu acrescento lá. Por fim, com a ajuda enorme da Cler, consegui deixar todos os vídeos do mesmo tamanho.

Espero que vocês gostem das modificações, e, em breve, postarei o 2º vídeo (dividido em 3 blocos) que eu e o Pedro produzimos. E se alguém tiver algum vídeo bacana, posta no youtube e me manda o link que eu posto no TV Enfoque!

5 de nov de 2009

Outros jornais comunitários universitários

Esta semana me deparei com o Jornal “Fala Kephas” feito por alunos do curso de Comunicação Social da Feevale para um dos bairros mais carentes de Novo Hamburgo.

O jornal é destinado aos moradores do bairro Kephas e tem seu foco voltado para ações de cidadania e educação que acontecem nas escolhas da comunidade.

Diferente do Enfoque que também mostra as coisas ruins da Brás, o Fala Kephas traz apenas o lado bom do bairro.

Mesmo assim, é interesse ter contato com os meios de comunicação comunitários feitos por alunos de jornalismo de outras universidades.

Além do Fala Kephas, a Feevale tem outros projetos nas áreas de Comunicação Social e Mídias Comunitárias. Vale a pena acessar o site.

Neste sexta-feira levo o jornal para os colegas darem uma olhada.

3 de nov de 2009

Confira o vídeo com o Coordenador do Programa Escola Aberta na Vila Brás

Entrevista com o professor Cláudio Hatje, Coordenador do programa Escola Aberta na Vila Brás em São Leopoldo e Prof° de Educação Física na Escola Municipal de Ensino Fundamental João B.M. Goulart que recebe o programa desde 2005.

Galera fiquem ligados!!!

A matéria completa sobre o Programa Escola Aberta estará na próxima edição do ENFOQUE!